Os cinemas drive-in voltaram: Que cuidados tomar?

Publicado em 04/06/20 13:00

A ideia de sentar em uma sala escura com 200 estranhos para ver um filme é um sonho (ou pesadelo) bem distante, enquanto a curva de casos de covid-19 continua crescendo no Brasil. Mas, em compensação, dá para assistir a um filme no conforto de um carro dentro dos cinemas drive-in, que voltaram com tudo em vários países —e por aqui também.

Esse jeito antigo de ver filmes une a nostalgia ao isolamento social, tão necessário para conter a propagação do novo coronavírus. E, se tomados todos os cuidados, é uma forma de entretenimento segura, de acordo com infectologistas ouvidas pelo UOL.

Considerando que estamos há bastante tempo em isolamento, me parece uma alternativa interessante até para contribuir com a melhora da saúde mental das pessoas.
Maria Carolina Pereira da Rocha, Infecto pediatra e médica de família e comunidade e professora da saúde coletiva da PUC-SP

Isolamento continua

A regra é clara: não é porque você está indo no drive-in que é para quebrar o isolamento social.

Não é para fazer do drive-in um encontro de amigos. As pessoas que estão no carro devem ser pessoas que moram juntas.
Raquel Stucchi, médica infectologista e professora da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp

Também não vale usar o drive-in para combinar de encontrar amigos e familiares que você não tem visto, alerta a especialista. "Se eu vou com a minha família, não vou combinar com meus irmãos de fazer um encontro no mesmo local", completa Raquel.

A distância, aliás, também vale para os carros, algo que os drive-ins já estão adotando: em Brasília, o Cine Drive-In orienta os frequentadores a manterem uma vaga de distância entre os veículos; já em São Paulo, o Belas Artes Drive-In, que terá sessões no Memorial da América Latina, estabeleceu a distância de 1,5 metro entre os carros.

Tem que levar a máscara?

Sim. A máscara é necessária nas situações em que você terá contato com os funcionários do estabelecimento e nos momentos em que você precisar sair do carro (para ir ao banheiro, por exemplo).

Mas, enquanto você estiver dentro do carro assistindo ao filme —com as pessoas com quem você mora e longe dos outros veículos, vale lembrar— não precisa ficar com a máscara o tempo todo, segundo as especialistas. E você pode, inclusive, abrir as janelas, como frisa Raquel:

O ideal é que o vidro do carro fique aberto para ventilar

E se eu tiver que sair do carro?

Se você tiver que sair do carro, é preciso manter os protocolos de segurança: usar máscara cobrindo bem o nariz e a boca, higienizar as mãos antes e depois, e manter a distância de outras pessoas. Levar um álcool em gel com você também nunca é demais.

Tá, mas e as comidas?

Os alimentos e bebidas que forem comprados no local devem ter as embalagens higienizadas, como nós já estamos fazendo com os que chegam via delivery ou comprados no supermercado. Maria Carolina dá a dica para usar seu frasquinho de álcool gel:

Devemos ter os os mesmos cuidados que estamos tomando com os sistemas de entrega de comida: higienização das embalagens, com álcool ou solução de hipoclorito. Levar saco para lixo, guardanapos etc

E o que os drive-ins estão fazendo?

O Cine Drive-In, em Brasília, adotou uma série de medidas, como a suspensão das atividades da lanchonete e a obrigatoriedade das máscaras para que for ao banheiro. Ou seja, leve seu lanchinho e sua máscara.

Em São Paulo, o Belas Artes Drive-In, que começa a operar no dia 16 de junho, anunciou medidas como: "distância mínima de 1,5 metro entre pessoas e carros em todos os ambientes, máximo de quatro ocupantes no carro, pagamentos via aplicativo, exigência do uso de máscaras e aferição de temperatura de funcionários e clientes". Os ingressos começam a ser vendidos na próxima semana.

Em Curitiba, a Pedreira Paulo Leminski também está se preparando para receber sessões de cinema drive-in, com data a ser confirmada. Serão recebidos até 117 carros por evento, cerca 2% da capacidade total de público. Os carros terão pneus higienizados, e o acesso dos clientes aos banheiros será feito por um app, que vai organizar uma fila virtual. Os colaboradores usarão máscaras e luvas.

Projeto de drive-in na Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba - Divulgação
Projeto de drive-in na Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba
Imagem: Divulgação

Fonte: UOL Cinemas // UOL