Um cavalo teimoso e bem 'animado' arruinou cenas de sexo no piloto de 'GoT'

Publicado em 16/09/20 00:00

Um cavalo teimoso e bem 'animado' arruinou cenas de sexo no piloto de 'GoT'

Cena de  'Game of Thrones'
Cena de 'Game of Thrones'
Reprodução

De Splash, em São Paulo

15/09/2020 21h56

O autor George R.R. Martin contou recentemente algumas situações engraçadas que aconteceram em "Game of Thrones", envolvendo duas cenas de sexo que foram arruinadas por um cavalo. É isso mesmo que você leu.

Continua depois da publicidade

A primeira

Lembra do casamento entre Khal Drogo e Daenerys? Então, o autor da saga contou que o cavalo dado de presente para a Targaryen seria usado de maneira diferente.

A ideia do piloto da série era usar o animal para pular uma fogueira e, logo na sequência, Daenerys desceria do cavalo para começar a fazer sexo com seu pretendente, o que mostraria um momento especial entre eles. Mas nada feito.

"Conseguimos um bom cavaleiro de dublê e uma égua de ponta, uma potrinha de prata, mas ela não pulava a fogueira. Tentamos filmar meia dúzia de maneiras. Então [o diretor Tom McCarthy] disse: 'Apague o fogo e vamos usar CGI' Eles apagaram tudo e a égua ainda não pulava. Então, eles tiveram que descartar essa sequência, o que foi lamentável, pois foi um momento de ligação entre Dany e Khal Drogo."

A segunda

A cena em que Daenerys é estuprada por Khal seria diferente na primeira versão. Ainda com a atriz Tamzin Merchant (que depois foi substituída por Clarke), a Targaryen seria seduzida pelo guerreiro, como acontece nos livros. Mas, novamente, não deu certo e ainda contou com uma surpresa.

"Eles amarraram os cavalos às árvores e há uma cena sexy perto do riacho. Jason Momoa e Tamzin estão nus e 'fazendo sexo'. E de repente o cameraman começa a rir. A égua prateada não era uma égua de jeito nenhum. Era um macho. E estava ficando visivelmente animado ao ver esses dois humanos interagindo. Há um cavalo no fundo com um pênis enorme. Então, não foi bem também. "

Fonte: UOL Cinemas